ESPECIAL COVID-19

Médio Tejo com mais 14 infetados diminui vigilâncias ativas

2021-09-11

A Unidade de Saúde Pública do Médio Tejo (USPMT deu conta de mais 14 infetados na região nas últimas 24 horas. Com as 14 pessoas infetadas e reportadas pelos laboratórios neste sábado em Abrantes (1), Entroncamento (1), Ourém (3), Tomar (8) e Torres Novas (1) a região tem agora um total acumulado 15 130 casos positivos desde que começou a pandemia. Recorde-se que o primeiro caso foi registado no Médio Tejo a 16 de março de 2020 em Tomar.

O total de pessoas dadas como recuperadas foi atualizado nesta sexta-feira e passou 14 445 pessoas. O número de óbitos subiu para 395 mortes associadas à Covid-19.

Com esta atualização o número de casos ativos no Médio Tejo passou 290 localizados em Abrantes (34), Alcanena (16), Constância (2), Entroncamento (43), Ferreira do Zêzere (15), Mação (4), Ourém (71), Sardoal (1), Tomar (72), Torres Novas (28) e Vila Nova da Barquinha (4).

 

O número de pessoas que estão em confinamento por terem contactado com infetados baixou nas últimas 24 horas. No total, há na região 327 pessoas a quem foi decretada a quarentena pelo período de 14 dias e que devem ficar em isolamento em casa. Desde que começou a pandemia que a USPMT já decretou um total de 10 635 confinamentos e deu alta do isolamento a 10 282 pessoas.

As 327 pessoas em vigilância ativa, este sábado, estão confinadas em Abrantes (50), Alcanena (42), Constância (2), Entroncamento (50), Ferreira do Zêzere (16), Mação (14), Ourém (44), Sardoal (2), Tomar (63), Torres Novas (41) e Vila Nova da Barquinha (3).

 

Portugal registou, nas últimas 24 horas, mais 1.223 casos de infeção pelo coronavírus SARS-CoV-2 e 10 mortes atribuídas à covid-19, com nova redução nos internamentos em enfermaria e aumento nos cuidados intensivos.

De acordo com o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS), estão hoje internadas 552 pessoas com covid-19, menos 17 do que na sexta-feira. Em unidades de cuidados intensivos, estão 121 pessoas, mais três do que na sexta-feira.

A maior parte dos novos casos registou-se na região de Lisboa e Vale do Tejo (476), seguindo-se o Norte, com 397 novas infeções.

As mortes ocorreram na região de Lisboa e Vale do Tejo (6), na região Norte (2) e na região Centro (2).

Os dados divulgados pela DGS mostram também que há menos 883 casos ativos, totalizando 37.737, e que 2.096 pessoas foram dadas como recuperadas nas últimas 24 horas, o que aumenta o total nacional para 999.083 recuperados.

Desde o início da pandemia, em março de 2020, morreram em Portugal 17.853 pessoas e foram registados 1.054.673 casos de infeção.

2021-09-11