Antena Livre
Deseja receber notificações?
CIMT
PUB

Abrantes: Nova creche avança. Adjudicada empreitada de requalificação da antiga escola primária por 1,9 ME (c/áudio)

17/04/2024 às 15:37

Está adjudicada a obra para a "Requalificação da Escola EB1 N.º 2 para instalação de Creche em Abrantes". A adjudicação foi aprovada por unanimidade esta terça-feira, dia 17 de abril, em reunião do executivo municipal, à firma "Tecnorém, Engenharia e Construções, S.A.", pelo montante de 1.897.753 euros acrescidos de IVA.

Trata-se de um projeto financiado pelo Plano de Recuperação e Resiliência, ainda que não tenha a percentagem de financiamento que a autarquia pretendia apresentou a candidatura.

Recorde-se a notícia da aprovação do financiamento através do PRR foi conhecida a 5 de maio do ano passado, durante a cerimónia de inauguração do lar de idosos de Vale das Mós. Foi a própria ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho, que fez o anúncio deixando, na altura, todos, incluindo os autarcas surpreendidos.

A ministra falava dos projetos apoiados no âmbito de candidaturas feitos a avisos do Plano de Recuperação e Resiliência quando deixou a notícia de que a creche iria ser apoiada. A ministra ia terminar o seu discurso quando disse que este era um dia de esperança de futuro, tendo justificado esta afirmação no imediato: “porque, aproveito para transmitir ao senhor presidente da Câmara, que a candidatura que a Câmara apresentou para uma creche foi aprovada.”

A nova creche vai nascer da requalificação da Escola n.º 2 ou “escola nova”, localizada nas proximidades do Hotel de Turismo e desativada depois da Abertura do Centro Escolar Maria de Lourdes Pintasilgo. A escola, construída na década de 70 do século passado, vai ter uma intervenção de requalificação adjudicada à firma Tecnorém, pelo valor de 1 Milhão 897 (mil) euros, a que acresce ainda o IVA, e tem prazo de execução previsto é de 450 dias. Trata-se de uma obra financiada pelo Plano de Recuperação e Resiliência.

 

Projeto da creche

O projeto de remodelação e requalificação prevê a criação de três unidades autónomas para grupos de crianças, cuja distinção assenta nas características de cada faixa etária.

Haverá um berçário com capacidade para 58 crianças e uma área de atividades com capacidade máxima para 23 crianças, até aos 24 meses, distribuídas por duas salas de atividades.

Dos 24 e aos 36 meses será criada uma área de atividades com capacidade para 54 crianças distribuídas por três salas de atividade.

Além de outros espaços vão ser criados três parques de recreio e jogos e será mantido o espaço de horta pedagógica.

Ainda segundo o presidente da Câmara de Abrantes esta estrutura, quando entrar em funcionamento, deverá criar cerca de 40 postos de trabalho, não havendo, para já, indicação de como será a gestão, se municipal ou se concessionada a uma Instituição Particular de Solidariedade Social.

Manuel Jorge Valamatos explicou que esse será um passo subsequente às obras, não colocando de parte qualquer possibilidade, mas para já ainda não há definições ou perspetivas sobre como irá ser essa gestão. O autarca destacou, para já, a adjudicação das obras que terão um prazo de 450 dias.

Manuel Jorge Valamatos, presidente CM Abrantes

Recorde-se que foi na reunião do executivo municipal de 7 de março de 2022, sendo aprovado o projeto de execução da transformação e adaptação da antiga escola n.º 2, no Alto de Santo António, numa creche.

Galeria de Imagens

Partilhar nas redes sociais:
Partilhar no X
PUB
Capas Jornal de Abrantes
Jornal de Abrantes - junho 2024
Jornal de Abrantes - junho 2024
PUB