ESPECIAL COVID-19

COVID-19: Médio Tejo com mais quatro casos, um deles um bebé de meses (C/ÁUDIO)

2020-07-28

No dia em que os trabalhadores da Ribasabores (empresa de Tomar) foram todos repetir os testes ao SARS-COV-2 há mais quatro casos positivos no Médio Tejo. São três casos registados em Tomar, entre eles um bebé, com meses de vida, e um em Abrantes.

O caso do bebé, contacto de uma pessoa infetada no surto da Ribasabores, foi conhecido esta terça-feira, mas está em casa, em processo de cura da doença. OU seja, segundo Maria dos Anjos Esperança, coordenadora da Unidade de Saúde Pública do Médio Tejo, não necessita de cuidados hospitalares.

A delegada de saúde explica ainda que o caso de Abrantes é o de uma mulher que é contacto de um doente de Ponte de Sor.

Maria dos Anjos Esperança diz que um surto só fica fechado quando passam 28 dias sobre o registo do último caso. E deu o exemplo do surto de Ourém, o qual não se tem falado muito, que ainda está em aberto.

Quanto à Ribasabores Maria dos Anjos Esperança espera ter até às 24 horas desta terça-feira os resultados de centena e meia de testes feitos a todos os empregados que no primeiro tiveram negativo. Só depois neste novo teste é que haverá novidades sobre quando, e de que forma, é que a empresa pode voltar a laborar. Recorde-se que o surto tem mais de meia centena de empregados doentes, a grande maioria assintomáticos. É este, aliás, um dos maiores problemas deste vírus. Há mais pessoas infetadas e assintomáticas do que aquelas que apresentam sintomas antes de lhes ser recomendado o teste ao SARS-COV-2.

A médica coordenadora da Unidade de Saúde Pública do Médio Tejo explica que não é por se ter febre ou vómitos que se vai fazer um teste a correr. Primeiro abre-se o inquérito sobre os contactos que essa pessoa teve nos últimos dois dias. E é a partir daí que avança depois o processo de testar ou não testar.  

Maria dos Anjos Esperança, ACES Médio Tejo

Quanto aos números desta terça-feira, são então mais quatro casos positivos, três em Tomar e um Abrantes, fazendo um total acumulado de 394 pessoas que testaram positivo ao coronavírus. Tomar tem agora um total acumulado de 86 pessoas infetadas (com 20 curadas) e Abrantes 47 infetados (dos quais 21 curados).

Ao Nível das vigilâncias ativas hoje somam-se mais cinco pessoas a entrarem nos vigiados pela autoridade de saúde e mais nove a terem alta para regressar à vida normal. Estão 239 pessoas em modo de isolamento profilático em Abrantes (42), Alcanena (8), Entroncamento (30), Ferreira do Zêzere (19), Mação (1), Ourém (29), Tomar (68), Torres Novas (25) e Vila Nova da Barquinha (17).

O ACES Médio Tejo abrange a área territorial de 11 municípios com cerca de 235 mil utentes. Abrange as unidades de saúde de Abrantes, Alcanena, Constância, Entroncamento, Ferreira do Zêzere, Mação, Ourém, Sardoal, Tomar, Torres Novas e Vila nova da Barquinha, numa área territorial de 2.706,10 Km's quadrados.

Já os concelhos da Sertã e Vila de Rei que fazem parte do Médio Tejo na divisão político-administrativa em termos de saúde pertencem ao ACES do Pinhal Interior Sul que abrange ainda os concelhos de Proença-A-Nova, Oleiros e cerca de 30 mil utentes.

Nos dois concelhos do Médio Tejo, mas que na saúde integram o ACES Pinhal Interior Sul, há a registar seis casos (todos recuperados) na Sertã e um caso (recuperado) em Vila de Rei.

Consulte aqui os casos positivos / recuperados por concelho:

 

 

 

 

2020-07-28