ESPECIAL COVID-19

Covid-19: Médio Tejo com mais um infetado em Abrantes diminui pessoas em confinamento (C/ÁUDIO)

2021-04-28

Esta quarta-feira o Médio Tejo regista apenas mais um novo infetado e volta a ser no concelho de Abrantes. Com mais este caso o total acumulado de infetados subiu para 12 847 desde o início da pandemia.
Sem alterações nos números dos casos recuperados (12 395) e óbitos (378) o número de casos ativos subiu hoje para 74. Os concelhos de Constância, Ferreira do Zêzere e Vila Nova da Barquinha não têm qualquer caso ativo ao passo que as 74 pessoas que estão infetadas e em confinamento são de Abrantes (33), Alcanena (2), Entroncamento (4), Mação (4), Ourém (14), Sardoal (3), Tomar (12) e Torres Novas (1).

Já no que diz respeito a vigilâncias ativas há a registar menos 37 pessoas em confinamento do que na terça-feira. O seja, os 11 concelhos do Médio Tejo têm agora 404 pessoas em confinamento por contacto com infetados em Abrantes (214), Alcanena (3), Constância (5), Entroncamento (53), Ferreira do Zêzere (1), Mação (10), Ourém (9), Sardoal (23), Tomar (78), Torres Novas (10) e Vila Nova da Barquinha (2).

Miguel Borges, presidente da Câmara Municipal de Sardoal fez um ponto de situação sobre o concelho, quando o país se prepara para entrar na quarta fase do desconfinamento. Sobre os casos que surgiram na última semana o autarca salienta que o índice de transmissibilidade está muito abaixo dos 120 casos por 100 mil habitantes nos últimos 14 dias.

E acrescentou ainda que o processo de vacinação no concelho está decorrer dentro da normalidade.

Miguel Borges, presidente CM Sardoal

Portugal regista hoje três mortes atribuídas à covid-19, 572 novos casos de infeção pelo coronavírus SARS-CoV-2, uma nova redução do número de internamentos em enfermaria e um aumento em cuidados intensivos, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS).
Os óbitos nas últimas 24 horas ocorreram na região Norte.

De acordo com o boletim da DGS estão hoje internados em enfermaria 332 doentes, menos 14 em relação a terça-feira, e 88 em unidades de cuidados intensivos, mais dois.

Desde o início da pandemia Portugal já contabilizou 835.563casos confirmados e 16.973 óbitos.

O número de internamentos quer em enfermaria quer em unidades de cuidados intensivos têm valores próximos dos verificados em setembro de 2020.
Relativamente ao número de novos casos, os valores de hoje são semelhantes aos registados nas últimas semanas, com oscilações diárias.

2021-04-28