ESPECIAL COVID-19

OE 2022: Ministro da Defesa Nacional destaca subida de 1,3% de verbas para o ministério (C/ÁUDIO)

2021-10-13
Créditos: Antena Livre
Créditos: Antena Livre

O ministro da Defesa Nacional elogiou hoje a proposta de Orçamento do Estado para 2022 para o seu ministério, que “ronda os 2,4 mil milhões de euros”, mais “1,3%” em relação ao orçamento deste ano.

“Nós temos um aumento de mais de 20 milhões (euros) na área da Lei de Programação Militar, a maior parte das outras rubricas permanecem sem alterações especiais”, disse João Gomes Cravinho.

O governante, que falava aos jornalistas à margem da sessão de abertura da cimeira aeronáutica “Portugal Air Summit”, que hoje teve início no Aeródromo Municipal de Ponte de Sor (Portalegre), destacou ainda que o Ministério da Defesa Nacional espera “apostar” em várias áreas, tais como as sociais e na manutenção da Marinha.

João Gomes Cravinho, ministro Defesa Nacional

“Vamos apostar mais na manutenção da Marinha, vamos apostar também nas áreas sociais, nomeadamente no apoio ao IASFA (Instituto de Acção Social das Forças Armadas)”, indicou.

O ministro da Defesa Nacional disse ainda que poderá marcar presença na Comissão de Defesa Nacional para apresentar um “balanço muito positivo” das negociações efetuados com o Governo para o Orçamento do Estado para 2022.

Questionado pelos jornalistas sobre a sucessão da chefia do Estado Maior da Armada, João Gomes Cravinho disse que este tema “está absolutamente” encerrado, acrescentando ainda que o Presidente da República “deu o esclarecimento que havia a dar”.

Já sobre a cimeira aeronáutica “Portugal Air Summit”, o ministro da Defesa Nacional classificou o evento como “notável”, acrescentando que o Aeródromo Municipal de Ponte de Sor poderá contribuir de forma “muito significativa” para o desenvolvimento do setor aeronáutico no país.

Lusa

2021-10-13