ESPECIAL COVID-19

VN da Barquinha: Deputados do PS visitaram o concelho e manifestaram as suas preocupações

2016-12-12

Os deputados do Partido Socialista, eleitos pelo Círculo Eleitoral de Santarém, realizaram, hoje, uma visita ao concelho de Vila Nova da Barquinha.

A visita teve início, às 14h00, no edifício dos paços do concelho, seguiu até Loja do Cidadão, passou no Cais D’ El Rei, em Tancos e em Almourol e contou ainda com uma visita ao Viveiro de Empresas em Ambiente Escolar, à EN 110 na Atalaia e ao Centro de Negócios de Vila Nova da Barquinha.

António Gameiro, presidente da distrital do PS, disse à Antena Livre que a iniciativa inseriu-se “num conjunto de visitas que os deputados do PS eleitos pelo círculo eleitoral de Santarém têm vindo a fazer (…) num trabalho de acompanhamento que têm a ver com os fundos comunitários”, com “o PARU e com a capacidade de investimento dos municípios”.

“Em novembro de 2015 não tínhamos 1 euro de investimento no distrito de Santarém e portanto foram os municípios, através das suas candidaturas e capacidade de envidamento, que têm estado a sustentar a execução dos fundos comunitários neste último ano e pouco”, referiu o deputado.

“Escolhemos VN da Barquinha, porque o dinamismo que sentimos aqui à volta da reabilitação urbana, não só por causa do aglomerado populacional, mas também por causa da qualidade do que tem sido feito, quer na sede de concelho, quer nas freguesias, temos visto que há por parte da governação da Câmara e do seu presidente, Fernando Freire, uma preocupação em manter a traça, as características e projetar para o futuro (…) um conjunto de condições para os empresários poderem investir e criar emprego”, justificou o responsável.

Por sua vez, Fernando Freire, presidente da Autarquia de VN da Barquinha, afirmou que o objetivo da Câmara Municipal passou por “mostrar que depois da excelência do parque ribeirinho, onde fizemos alguns investimentos públicos significativos e também no Parque Escolar, onde foram investidos alguns milhares de euros,” salientar “que VN da Barquinha tem vida”.

“Queremos continuar a conservar e a valorizar a própria VN da Barquinha, no sentido de dotá-la de condições dignas para habitação, com conforto, lazer e qualidade de vida”, fez notar o autarca.

Sobre os espaços e equipamentos, onde vão ser alocados fundos comunitários, Fernando Freire referiu-se àqueles que fizerem parte da visita de hoje: a zona baixa da vila, o ninho de empresas, a loja de produtos locais, o Cais D’ El Rei, Almourol e o Centro de Negócios.  

O Relatório da Comissão de Acompanhamento sobre Poluição no Rio Tejo foi um dos temas que norteou a visita dos deputados do PS ao concelho de VN da Barquinha.

António Gameiro salientou que desde “1991” que os deputados eleitos pelo Círculo Eleitoral de Santarém têm “reivindicado” uma “atenção especial para o Tejo”.

“Com grande infelicidade, temos tido Governos que não têm olhado para o Tejo. Hoje, temos um Ministro que meteu mãos à obra, que pegou na inspeção (…) e concretizou um relatório que fez o diagnóstico e que já tem linhas orientativas para a terapêutica sobre o Tejo. E portanto, quer na questão de Tancos, quer em Almourol, nós estamos de facto muito preocupados com aquilo que são as raízes do ser ribatejano, com aquilo que tem a ver com o nosso património, não só histórico, mas também ambiental”, afirmou o deputado.

Sobre as medidas a aplicar no rio Tejo, o responsável adiantou que espera “ter algumas novidades no primeiro trimestre do ano que vem, sobre as políticas ativas de recuperação daquilo que tem a ver com a qualidade de água no Tejo, mas não só (…) com a sua navegabilidade e a sua utilização para captação na área do turismo”.

O deputado fez ainda referência à “recuperação da EN 361 e 362” como também, focou a questão da travessia do Tejo.

“Estamos preocupados com a atual ponte e por isso mesmo, vamos tomar uma iniciativa legislativa, dentro de poucos dias, sobre a travessia na Chamusca e na sua ponte, onde precisamos de muito mais. O que está não serve as aspirações do Ribatejo, na ligação da margem sul à margem norte do Tejo. Precisamos de uma travessia nova, que faça a ligação económica, entre a parte sul e a norte do distrito”, vincou o deputado.

O último tema focado foi a Saúde. António Gameiro mencionou as obras, em fase de execução, no hospital de Santarém. Já ao nível do CHMT, o deputado disse que é preciso “mais”, sobretudo “mais médicos”.

“Lamentamos que dois dos concursos tenham ficado desertos de falta de candidaturas de médicos para a nossa região, porque não é por falta do Governo, é por falta dos profissionais que não querem vir para o CHMT e para medicina familiar. Estamos a trabalhar com o senhor Ministro na área da saúde para termos novidades, dentro de pouco tempo”, finalizou.

A próxima visita dos deputados do Partido Socialista, eleitos pelo Círculo Eleitoral de Santarém, acontece no próximo mês de janeiro ao concelho de Tomar.

 

2016-12-12