ESPECIAL COVID-19

Abrantes: Jorge Ferreira Dias está em prisão domiciliária com pulseira eletrónica

2021-01-17

Foi cerca do meio-dia desta sexta-feira, 15 de janeiro, que Jorge Ferreira Dias regressou a Abrantes, após ter visto decretada a medida de coação mais gravosa, prisão preventiva, pelo Tribunal de Santarém.
A causa da detenção, que cumpriu desde 23 de dezembro no Estabelecimento Prisional de Leiria, foram as agressões perpetuadas pelo ex-empresário abrantino na sessão de Câmara de Abrantes, a 22 de dezembro.
O empresário vai agora aguardar julgamento em prisão domiciliária, com pulseira eletrónica.
Em declarações ao jornal online mediotejo.net, Jorge Ferreira Dias disse nunca se ter sentido, referindo que recebeu “solidariedade de toda a gente, li muito e até escrevi um livro que vou publicar”.
O ex-empresário conta, em 150 páginas, “As noites mais longas da minha vida”, uma referência aos dias passados na prisão.

Notícias relacionadas:
https://www.antenalivre.pt/sociedade/jorge-ferreira-dias-interrompe-reuniao-da-camara-de-abrantes-e-e-retirado-pela-psp-em-atualizacao
https://www.antenalivre.pt/concelhos/abrantes-agredidos-apresentam-queixa-contra-jorge-ferreira-dias-atualizada
https://www.antenalivre.pt/sociedade/abrantes-juiz-decretou-prisao-preventiva-para-jorge-ferreira-dias

 

2021-01-17