Município Abrantes
PUB

Manifestação: Abrantes: SIESI promove manifestação contra o fecho da Central do Pego

11/11/2021 às 15:42

O Sindicato das Indústrias Elétricas do Sul e Ilhas (SIESI) promove este sábado uma manifestação, pelas 14:30, em frente a Câmara Municipal de Abrantes sobre o fecho dos grupos de carvão da Central Termoelétrica do Pego.

De acordo com um comunicado o SIESI diz que as suas posições são conhecidas e que refletem as dos trabalhadores da Central Termoelétrica do Pego.
De acordo com o sindicato que convocou a manifestação para este sábado o processo de transição justa, inserido na “descarbonização de imagem” tem-se “traduzido, até ao momento, apenas na criação de desemprego, na precariedade das condições de vida das famílias e agravamento social e económico do Concelho e Região, já por si alvo de alguma perda de habitantes e atividade geradora de postos de trabalho.”

Para o SIESI há, no entanto, um receio decorrente do processo que lança a “possibilidade de a instalação no seu total ser encerrada, o que elevaria para perto da eliminação de 180 postos de trabalho.”

Com a manutenção dos postos de trabalho como objetivo inabalável, o Sindicato das Indústrias Elétricas do Sul e Ilhas e os trabalhadores desafiaram várias entidades envolvidas no processo, para um encontro onde lhes reservaram um espaço onde possam prestar contas do seu trabalho e compromissos que assumem naquele sentido. E este momento aponta ao próximo sábado, 13 de Novembro, pelas 14,30 horas, na Praça Raimundo Soares Mendes, junto à Câmara Municipal de Abrantes.

O sindicato faz questão de ressalvar que “não se trata de uma discussão sobre o encerramento da Central e as várias opiniões. Pelo contrário, será um espaço onde se aguarda que os mais variados intervenientes assumam uma posição concreta sobre o desemprego, e seu possível agravamento, dos trabalhadores daquela instalação e as soluções concretas para o evitar.”

O SIESI indica ainda que deu conhecimento da ação de luta ao Presidente da República, Governo, Autarquias, Institutos, Associações, etc.

A Fiequimetal (Federação Intersindical das Indústrias Metalúrgicas, Químicas, Eléctricas, Farmacêutica, Celulose, Papel, Gráfica, Imprensa, Energia e Minas ), federação afeta à CGTP-IN já anunciou que vai estar presente nesta ação pública e dá nota que rejeita “mais um encerramento, que irá trazer consequências desastrosas para a economia regional e nacional.”

De acordo com a Fiequimetal no sábado, será colocado à votação um documento que exigirá que seja colocado termo a uma decisão que a concretizar-se terá efeitos muito negativos no plano económico, social e, até, ambiental, porque as soluções alternativas de que se fala têm enormes impactos no solo.

Partilhar nas redes sociais:
PUB
Capas Jornal de Abrantes
Jornal de Abrantes - agosto 2022
Jornal de Abrantes - agosto 2022
PUB