Antena Livre
Deseja receber notificações?

Que inovações tecnológicas e produtivas têm ocorrido no mercado automóvel em Portugal

1/07/2023 às 09:07

O mercado automóvel em Portugal tem-se mantido estável, com um crescimento gradual nos últimos anos. No entanto, pode ser afetado por fatores econômicos e alterações na política fiscal, que podem afetar as vendas de automóveis. Marcas populares: Várias marcas de automóveis são populares em Portugal, incluindo a Volkswagen, a Renault, a Peugeot, a Mercedes-Benz, a BMW e outras marcas europeias e japonesas. Isto reflete as preferências dos consumidores do país.

Tanto os automóveis de passageiros como os pequenos citadinos com boa eficiência de combustível são populares em Portugal. Há também uma procura crescente de automóveis elétricos e híbridos.

O mercado de automóveis usados também é popular em Portugal. A compra de um carro usado pode ser uma opção mais econômica para alguns consumidores, e existem muitos concessionários e vendedores privados no mercado.

O mercado automóvel segundo informação do site autosport.pt está a desenvolver a crescer em Portugal. As infra-estruturas de carregamento de carros eléctricos estão a desenvolver-se em Portugal. Estão a surgir postos de carregamento nas cidades e nas autoestradas para responder à crescente procura de carros eléctricos.

Os automóveis estão a tornar-se mais conectados e equipados com sistemas de segurança inteligentes. Estes incluem sistemas de aviso de colisão, sistemas de assistência ao estacionamento, sistemas de monitorização do ângulo morto e outras tecnologias que melhoram a segurança da condução. O piloto automático e as tecnologias de assistência ao condutor estão a tornar-se mais comuns. Estas incluem o controlo de velocidade de cruzeiro adaptativo, sistemas de assistência à manutenção na faixa de rodagem, travagem

automática em caso de perigo e outras funcionalidades que ajudam o condutor a conduzir.

Os fabricantes de automóveis estão constantemente trabalhando no desenvolvimento de motores mais eficientes e na exploração de combustíveis alternativos. Isto pode incluir motores a diesel e a gasolina com maior eficiência de combustível, bem como investigação em veículos a hidrogênio e a gás natural.

Nos últimos anos, registaram-se várias inovações e avanços tecnológicos no mercado automóvel português. Eis algumas delas: Carros elétricos e híbridos: com a crescente sensibilização para as questões ambientais e o desejo de reduzir as emissões de CO₂, os automóveis elétricos e híbridos estão a tornar-se cada vez mais populares em Portugal. O governo está a apoiar ativamente esta tendência com subsídios e incentivos para a compra e utilização de carros amigos do ambiente.

Volume de vendas de automóveis usados: em 2020, o mercado de automóveis usados em Portugal registou uma quebra devido à pandemia de COVID-19. De acordo com a Associação Automóvel de Portugal (ACAP), as vendas de carros usados caíram cerca de 11,4% em relação ao ano anterior, com um total de 1.040.116 veículos usados a mudar de proprietário.

Marcas de carros usados mais procuradas: As marcas de automóveis usados mais populares em Portugal incluem a Volkswagen, a Renault, a Peugeot, a BMW e a Mercedes-Benz, entre outras. Estas marcas têm normalmente uma presença significativa nos mercados de automóveis novos e usados.

Em Portugal, a idade média dos automóveis usados vendidos tende a variar. De acordo com a ACAP, em 2020, a idade média dos veículos ligeiros de passageiros usados vendidos rondava os 12,7 anos.

Portugal tem uma comunidade ativa de entusiastas de automóveis, com indivíduos que gostam de trabalhar nos seus próprios carros como um passatempo. Esta comunidade organiza frequentemente eventos, encontros e fóruns onde as pessoas podem partilhar os seus conhecimentos e experiências relacionados com reparações e modificações de automóveis.

A realização de reparações de automóveis em regime de independente pode ser mais econômica para os indivíduos que possuem as competências e ferramentas necessárias. Permite-lhes poupar dinheiro em custos de mão de obra e, potencialmente, comprar peças a um preço mais baixo.

Algumas pessoas podem preferir poupar tempo e esforço recorrendo a mecânicos profissionais para efetuar reparações automóveis. Factores como agendas ocupadas, falta de tempo ou preferência por reparações feitas de forma eficiente e precisa podem influenciar esta decisão.

É importante notar que, embora exista um segmento de proprietários de automóveis em Portugal que gosta de fazer reparações no seu próprio carro, muitas pessoas ainda confiam em mecânicos profissionais e centros de serviço para as suas necessidades automóveis.

Partilhar nas redes sociais:
Partilhar no X