ESPECIAL COVID-19

Câmara de Abrantes aprova construção de rotunda junto ao Hospital (C/ÁUDIO)

2021-02-09
Foto: Street View / Google Maps
Foto: Street View / Google Maps

O executivo municipal de Abrantes, na reunião desta terça-feira, dia 9 de fevereiro, aprovou, por unanimidade, o projeto de execução e o lançamento da empreitada de construção de uma rotunda no acesso ao Hospital.
Trata-se de uma redefinição de toda a zona que envolve os parques de estacionamento exteriores ao Hospital de Abrantes, a interseção da Avenida Dr. Francisco Sá Carneiro (avenida com separador central que vai entroncar na Nacional 2, na zona do Espinhaço de Cão, junto à escola D. Miguel de Almeida) com a Avenida Dr. Santana Maia (via que faz a ligação entre o cruzamento do antigo Mercado Diário e a Avenida do Paiol, em barreiras do Tejo) e ainda o Largo Eng.º Bioucas que dá acesso ao edifico do Hospital.

O preço base desta empreitada é fixado em 758.767,19 € e o prazo de execução previsto é de 150 dias, muito embora a sua execução esteja condicionada, de acordo com a informação do presidente da Câmara Municipal de Abrantes, ao estado da pandemia.

Manuel Jorge Valamatos revelou que com esta obra abre-se uma nova frente de acesso ao centro histórico, com menos constrangimentos e que enquadra já a previsão de uma futura ligação entre a Tapada do Fontinha e a Escola Dr. Manuela Fernandes. Uma via que alteraria por completo os constrangimentos de trânsito que existem no acesso às duas escolas secundárias de Abrantes. No entanto, esta via, está ainda fora do radar, é apontada como uma solução de futuro.

Manuel Jorge Valamatos

Esta intervenção pretende anular os constrangimentos de trânsito e facilitar as condições de circulação, de acessibilidade e de estacionamento junto ao Hospital e no acesso ao Centro Histórico de Abrantes, nomeadamente:Esplanada 1.º de Maio; Mercado Municipal; Unidade de Saúde Familiar; Loja de Cidadão e a toda a área de comércio tradicional.

O vereador João Gomes explicou que, a par da construção desta rotunda, já prevista Plano de Urbanização de Abrantes (PUA), serão requalificadas as bolsas de estacionamento de apoio ao Hospital, que ficarão “unidas”, passando a dispor de 151 lugares (mais 21 do que atualmente). Serão também disponibilizados mais quatro lugares reservados a pessoas com mobilidade reduzida, para além de se manterem os seis lugares para serviço de táxis. As duas paragens de autocarros serão transformadas e está também prevista a melhoria da iluminação pública.

Será ainda melhorada a organização do trânsito, nomeadamente no cruzamento da Avenida Dr. Santana Maia com ligação ao Bairro Municipal e ao Vale da Fontinha.

João Gomes, vereador Urbanismo

Para o Presidente da Câmara, a requalificação da entrada/saída sul da cidade é uma obra “estruturante e decisiva” para a cidade e para o concelho, por se tratar de um nó rodoviário estratégico que permite a ligação ao Vale da Fontinha, mas também na ligação às Barreiras do Tejo e Rossio ao Sul do Tejo, tendo ainda anunciado que em breve será realizada uma empreitada de requalificação da estrada de ligação Abrantes/Barreiras do Tejo (A Avenida do Paiol). 

Rui Santos, vereador eleito pelo PSD, ficou satisfeito com este lançamento porque, afirmou, esta é uma obra que o PSD defende como prioritária há muitos anos.

Rui Santos, vereador PSD

Armindo Silveira, vereador eleito pelo Bloco de Esquerda, revelou que leu as fichas do Plano de Urbanização de Abrantes e, concordando com esta obra, espera ser chamado para quando o executivo socialista decidir os financiamentos para o lançamento da obra.

Armindo Silveira, vereador BE

Ainda nas explicações em reunião do executivo o vereador João Gomes revelou que a Avenida Dr. Francisco Sá Carneiro vai ter uma intervenção nos passeios até à zona do viaduto para construção de taludes que criem mais segurança para peões e automobilistas no que diz respeito a eventuais quedas de terras ou pedras, usuais, daquelas encostas.

João Gomes, vereador Urbanismo

Mas se esta intervenção vai ficar, para já, à espera do momento certo para poder avançar, há duas outras que Manuel Jorge Valamatos disse estarem quase no terreno.

Uma é a requalificação do parque de estacionamento junto à entrada do Hospital de Abrantes que é atualmente um espaço em terra batida. Neste caso a intervenção vai ser feita pela União de Freguesias de Abrantes e Alferrarede através de um contrato inter-administrativo e que nada tem a ver com a grande intervenção da nova rotunda.

Foto Google Maps

A outra prende-se com repavimentação da Av. Dr. António Augusto da Silva Martins e da Av. Henrique Augusto da Silva Martins, em Rossio ao Sul do Tejo. Trata-se de uma obra de quase 150 mil euros adjudicada à firma "Construções JJ.R. & Filhos, S.A que, recorde-se, tem estaleiros em Mouriscas.

Manuel Jorge Valamatos

Este troço da Estrada Nacional N.º 2, atravessa o Rossio ao Sul do Tejo e desde a rotunda, à saída da ponte rodoviária, até ao cruzamento junto à passagem de nível em Arrifana.
Esta via interna, que é também uma das ligações ao Alto Alentejo, através de Ponte de Sôr, tem diariamente uma grande afluência de trânsito, incluindo veículos pesados.

2021-02-09