ESPECIAL COVID-19

Festas Sardoal: "Uma Montra do Melhor que se faz"

2016-09-19

Durante 4 dias, Sardoal vai mostrar os Saberes e Sabores do concelho. Tal como na edição anterior, as festas do concelho vão dar a conhecer o que de melhor se produz no Sardoal e na região.

“Temos uma mostra da nossa região, de quem faz e trabalha muito bem a gastronomia, os enchidos, os vinhos, o artesanato, etc”, afirmou Miguel Borges, presidente da Câmara Municipal.

“Vamos ter todos aqueles que se gostam de associar à Mostra. Gostamos sempre de receber. É sempre agradável ter este contacto com outros produtos, sendo que os sardoalenses têm critério de prioridade nesta Mostra”, fez notar o autarca.

Trabalhos em trapologia, tecelagem e customização, sabonetes artesanais e outros produtos à base de azeite, bijuteria em diversos materiais, bordados e ponto cruz ou litografias, são alguns dos exemplos daquilo que os visitantes poderão encontrar nos stands de Saberes que ocuparão a Avenida Luís de Camões.

Por sua vez, a doçaria local, doces e compotas, vinhos, queijos, enchidos, assim como cerveja artesanal serão alguns dos produtos da região que estarão presentes na Praça Nova, nos stands dos Sabores.

“Nesta mostra, vamos ter presentes a primeira “fornada” do Curso Técnico Superior Profissional em Produção Artística para a Conservação e Restauro (TESP), onde aqueles ex-alunos já são artesãos, são empreendedores, e vão começar a expor e a comercializar”, adiantou Miguel Borges.

“Uma maneira de promover o meu trabalho”

Ana Mendes, 31 anos, de Abrantes, ainda a frequentar o TESP, vai estar representada na Mostra onde tem o intuito de divulgar alguns dos seus trabalhos já desenvolvidos na área do restauro.

“Quando abriu o TESP em Sardoal, pensei que seria uma mais valia inscrever-me para ganhar competências. A proximidade e o gosto pela área foram dois fatores que também tive em conta”, contou.

“Atualmente, tenho uma página no facebook intitulada “100Rococos”, é uma marca registada (…) Entretanto estou a tentar integrar o “Art of de Sardoal”, uma iniciativa recente criada pela autarquia, sendo esta uma espécie de incubadora para artesãos do concelho”, explicou Ana Mendes.

No que diz respeito à sua participação na Mostra, a abrantina confessou que o instituto passa pela “divulgação do serviço, desta competência adquirida. É uma maneira de promover o meu trabalho”.

“Vou levar algumas peças de exemplos do que pode ser feito ao nível do restauro, para que os visitantes possam tomar contacto com aquilo que sei fazer”, finalizou.

Durante todos os dias, a Mostra de Saberes e Sabores vai ter animação musical por grupos oriundos de concelhos vizinhos.

JMC

Créditos: Paulo Sousa

 

2016-09-19
Mercar
PUB

Jornal de Abrantes

Jornal de Abrantes outubro 2021
PUB
Bombeiros